Digital signage (MDOOH)

Investimento em internet e mídia OOH aumenta no Brasil

A mídia out-of-home (OOH), fora de casa, é toda ação que atinge o público fora de casa. Quando as pessoas já estão em casa elas estão cansadas e querem assistir aquilo que escolheram, não querem ver propagandas e nem saber sobre novos produtos. O avanço da tecnologia proporciona que elas escolham quando e como vão ver os seus programas, isso prejudica as tradicionais propagandas televisivas.

Sem contar que em revistas e jornais o público não tem mais o costume de parar e ler sobre aquele anúncio, ele pode apenas pegar o nome e procurar depois online, isso é claro, se chamar atenção. Assim, é muito importante que o anúncio chame a atenção.

E é o chamar a atenção que a mídia out-of-home se destaca, quando a audiência está na rua é preciso impactar ela de imediato, assim a criatividade ao criar uma campanha deve ser livre.

Esse é outro ponto em favor da mídia digital out-of-home (DOOH), por ela ser uma mídia em movimento é possível criar campanhas que saem do óbvio. A mídia fora de casa já é chamativa por si só, mas quando ela tem luz e movimento é muito mais chamativa. Assim, para ter uma propaganda impactante e inovadora a melhor opção é o DOOH e os painéis de led.

É importante entendermos toda essa trajetória, desde o surgimento da TV, da internet para como foi a mudança de comportamento da sociedade para que possamos entender como que o crescimento em mídia OOH cresceu.

No Brasil o investimento em publicidade chegou a R$ 8,2 bilhões no primeiro semestre de 2019, sendo que a internet e a mídia exterior foram um dos que mais cresceram em relação ao mesmo período de 2018. Esses dados foram divulgados pelo Cenp (Conselho Executivo das Normas-Padrão).

No primeiro semestre de 2018 tivemos R$ 1,1 bilhão usados para publicidade na internet, no mesmo período de 2019 foram R$ 1,66 bilhão. Comparando o mesmo período, em 2018 a mídia exterior foi de R$ 580 milhões para R$ 890 milhões, sendo que no primeiro semestre de 2019 o investimento publicitário na televisão aberta foi de R$ 4,41 bilhões, bem abaixo do utilizado para internet e mídia exterior.

Não foi só a publicidade em televisão que viu seus números caírem, o cinema também viu, de 1,7% investido no primeiro semestre de 2018 teve uma queda para 0,9%.

Esses números mostram como o crescimento em publicidade na Internet e na mídia OOH aumentou e que o investimento nas mídias tradicionais vem caindo. A audiência quer novidade, ela não se interessa mais pelos anúncios tradicionais, ela quer se envolver com o que está vendo e a mídia OOH junto com a Internet proporcionam isso.

Esses dados não contemplam os investimentos de pequenos e médios anunciantes, como as plataformas digitais como Google e Facebook. A diretora executiva do Interactive Advertising Bureau (IAB Brasil) Cris Camargo comenta que os dados de internet ainda estão abaixo, ela acredita que alguns investimentos em internet já alcançam mais de 50% do investimento em publicidade.

Para essa pesquisa, o Cenp teve acesso ao balanço de 218 empresas de comunicação, e assim, foi possível realizar uma estimativa de como está o financiamento em publicidade no país. Ter acesso a essas informações mostra como a nossa sociedade está consumindo informação e como as agências devem se adequar a nova rotina das pessoas.

Fonte: Ledwave

Deixe uma resposta

ENTRE EM CONTATO